Jogar paciência do Windows

A República Federativa do Brasil está cada vez mais afundada no mar de esgoto desovado pelos porcos que controlam os rumos do país, as 10 medidas contra a corrupção sendo retalhadas, anistia pra toda a bandidagem da gravata, novo presidente já envolvido com pressão no Ministério da Cultura, e enquanto isso nos resta ou a indiferença, ou ter toda a paciência do mundo.

Falando de paciência, a Microsoft, com um atraso de quase uma década, resolveu migrar um de seus maiores sucessos para a plataforma do iOS. Trata-se exatamente do popular jogo Solitaire, conhecido no Brasil como Paciência. O jogo é simples e intuitivo, além de um excelente terapêutico.

O aplicativo é gratuito e mata a saudade daqueles que abriam o Paciência no Windows e deixavam as horas passarem naquela serenidade do famoso joguinho de baralho. A única crítica em relação ao app, que testamos com o iPhone Plus, é que as cartas parecem um pouco pequenas, dificultando levemente uma visualização tranquila das imagens.

E você, o que achou do app? Compartilhe conosco o que achou!

Paciência para iPhone e iPad

Apple, Montblanc e a massificação do luxo

Ao perambularmos pelas alas chiques de shopping centers, muitas vezes caminhamos bem próximos das vitrines de lojas da Montblanc. O interior delas é sempre elegante, os seus vendedores bem vestidos e os preços, esses caros. O que contemplamos com os olhos ávidos e com o prazer tátil são produtos resultados de pelo menos 100 anos de tradição. Toda essa atmosfera estimula uma sensação de desejo. E quanto aos artefatos da Apple?

Em um canto não muito distante encontramos lojas da Apple, estas são abarrotadas de gente, com uma disposição de espaço simples, sem luxos, a não ser os seus próprios produtos. Enquanto a marca alemã se originou de caneta tinteiro, a outra nasceu de caixas com circuitos. O tempo é relativo e a evolução tecnológica nos últimos 20 anos foi bem maior na computação que a nas canetas em mais de um século.

A Maçã vende sofisticação e elegância, e foi entregando isso que a Monte Branco montou o seu império. Entre essas duas marcas existem diversas similaridades, o primor compartilhado pela qualidade, um atendimento diferenciado. A grande diferença entre elas é que uma está presa explicitamente ao segmento de luxo. A Apple por sua vez investe em publicidade de massa e até mesmo estimula a compra de seus produtos com programas de trocas, venda de produtos refurbished e descontos para estudantes. É a massificação do luxo!

Quais são as suas considerações sobre a Montblanc e a Apple?