A Maçã está voraz e arrancando pedaços

Apple abocanhando Android

Um comentário hater é tudo que se precisa para empolgar um post reacionário, vinda a inspiração, eis o post:

O sistema Android, clone do iOS, feito debaixo das barbas do Steve Jobs, recebeu uma mordida feroz da Maçã. As vendas do Apple Watch humilharam os números de vendagem de seu principal concorrente. A comparação é simples, em apenas umas 6 horas de vendas do produto da Apple superaram 8760 horas de Android, com todos os seus diversos dispositivos somados juntos.

Vender em poucas horas um produto muito caro, sofisticado, “inédito”, em que paira muita desconfiança de mercado não é uma façanha simples. De qualquer sorte, nesse momento a maior proeza de Cupertino será a de entregar todos os seus pedidos a tempo.

Os haters e fandroids devem estar usando a criatividade ao máximo para desmerecer o sucesso e os compradores do exitoso produto. Entretanto, ainda é cedo para cantar vitória total, pois resta saber se essa demanda vai se manter e se o produto realmente fará sucesso quando estiver nos pulsos de seus usuários e fora, recarregando toda noite.

As vendas do Apple Watch porém, reafirmam que Cupertino não vende apenas tecnologia, ela enleva ideias e amplia necessidades.  Separando as coisas, de forma seca, o relógio inteligente da Apple é um relógio, que se soma a um acessório para iPhone. É praticamente um relógio com controle remoto, mas teve o seu conceito esplendidamente bem trabalhado num verdadeiro campo de distorção da realidade a la Steve Jobs.

Esse dispositivo, antes mesmo de ser lançado, provocou uma corrida desesperada de todos os concorrentes da Maçã, todos eles se esforçaram em antecipar suas próprias soluções e consolidar os seus produtos no mercado. A Samsung deve ter criado pelo menos uns 4 relógios diferentes. Foram dezenas de marcas não famosas competindo também por baixo, e grandes nomes procurando caprichar, como o relógio inteligente da Motorola ou o LG.

Os fabricantes tradicionais cruzaram o braço e apesar das declarações neutras ou nada amistosas, se mostraram mais observadores e preferiram não correr no piso molhado como a Samsung e outros fabricantes, ainda mais pelo fato de que eles estão inertes há muito tempo e um tombo pode ser fatal.

O Google copia as ideias, simplifica e barateia as necessidades, num processo de massificação, mas não cria o mesmo clima de magnetismo que a Apple. Lógico que é difícil comparar um ente que fabrica e produz o seu hardware e software com outro, que apenas o desenvolve. Outra lição que pode ser aprendida, é que dentro de um jogo de plataforma fechada a Apple é favorita.

E não deve ser por outro motivo, os relógios Androids serão compatíveis com os iPhones. E se preparem, os números vão se inverter, mas esse é o jogo, e todos ganham.

Anúncios

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s