Com o iOS 8 o iPhone torna-se o mais seguro do mundo

Desde que Edward Snowden trouxe à luz a existência do PRISM as pessoas começaram a se preocupar mais com as questões de privacidade pela internet e muitos debates com essa temática vieram à tona. A problemática é a seguinte, a privacidade absoluta se tornou algo bem difícil de se ter na internet. Se alguém tem esperança disso, é melhor ela procurar utilizar uma máquina de escrever e entregá-la, em mãos, à pessoa destinatária.

PRISM é um programa de vigilância clandestino de monitoramento em massa de dados sigilosos supervisionado pela Agência de Segurança Nacional dos EUA (NSA) criado pelo governo Bush. A iniciativa faz interceptação em grande escala de informações armazenadas e do tráfego da internet e recolhe todos os dados em seu próprio sistema para os mais diversos motivos. Várias grandes empresas de tecnologia estavam inseridas na lei que criou esse sistema, até a Apple, Google, Yahoo… etc.

Por outro lado, as empresas sempre deram importância ao sigilo de informações, agora compreendemos melhor os motivos. O celular Blackberry era muito elogiado nos meios corporativos exatamente por cuidar com zelo da manipulação dos dados de seus usuários. Esse requisito empresarial se tornou uma exigência também do consumidor comum, que começa a dar uma expressiva importância a proteção de seus dados.

Com o naufrágio da canadense fabricante dos “Berries” a Apple tratou de cativar aqueles clientes órfãos, e desde então priorizou iniciativas para proteger as informações de seus usuários. O iMessage é considerado atualmente uma das formas mais seguras de envio de mensagens, sendo o sistema de criptografia tão complexo, que nem mesmo a Apple consegue descriptografar as mensagens trocadas ali sem grande e volumoso trabalho. As barreiras são tão grandes que a Maçã foi alvo de críticas em relatórios vazados da NSA.

O iPhone 6 em associação com o iOS 8 será o smartphone mais seguro até hoje lançado no mercado. Novos recursos serão grandes aliados da privacidade do usuário.

Futuramente os dispositivos de terceiros que rasteiam o seu iPhone não conseguirão duplicar data de nenhum iPhone que esteja utilizando o iOS 8. Todo smartphone ao se conectar em uma rede Wi-Fi tem uma identificação MAC, mas essa identificação nos aparelhos da Apple será disfarçada e randomizada sempre ao conectarem-se a uma rede. Toda utilização de internet deixa pegadas, a inovação comentada tem o intuito de dificultar uma prática geral e comum, do aproveitamento do traçado de perfil de usuários para os mais diversos fins, comerciais e governamentais.

Apps que se utilizam de propagandas invasivas e que absorvem informações de usuários de forma irresponsável estão na mira de Cupertino. A Apple endureceu mais ainda as suas diretrizes, que sempre foram mais exigentes que a da loja da Google. Uma nova regra comentada esse semana foi a proibição de aplicativos utilizarem-se de práticas corriqueiras, como a de fazer o usuário assistir vídeos promocionais para faturarem prêmios dentro do app.

Por fim, uma outra novidade do iOS 8, que é uma dor de cabeça para quem deseja os seus dados e um alívio para a nossa privacidade, parece que algo mais ou menos assim: é um alerta que o sistema emite se existir algum app puxando a sua localização no background, mesmo sem estar sendo utilizado, se isso ocorre, o iOS pergunta ao usuário se pode permitir e dedura o aplicativo que está lhe bisbilhotando. Detalhe, a nossa bateria também agradece.

Lógico que estão sempre inventando moda, e quando se cria uma proteção alguém trata de descobrir as fraquezas daquele sistema, mas pelo menos nesse futuro próximo o panorama é bem positivo, para aqueles que usam iPhones e Macs.

Anúncios

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s